Par Pojoaju, Associação de ONGs do Paraguai, membro de Forus, Assunção, Paraguai

As organizações integradas à Pojoaju, Associação de ONGs do Paraguai, membro de Forus constataram, em um encontro para a análise e projeção de ações, a importância de adotar, com diversidade, estratégias comuns para ações de ingerência e de aprendizagem coletiva. A mesa redonda denominada “Encontro das ONGs para o desenvolvimento sustentável” foi realizada no final de 2019 graças à cooperação prestada por Forus, com apoio da União Europeia (UE) e da Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD).

A consulta aos membros da plataforma teve como determinantes, em abrangência nacional, situações de assédio, registos de acusações infundadas, para as OSC em defesa dos direitos humanos ou a serviço de comunidades vulneráveis. Um feito relevante desse panorama foi a criação de propostas legislativas que restrinjam as atividades das OSC no país. Na mesa redonda, foi avaliada como positiva a experiência de trabalho compartilhada em vez da particular: especialistas da Pojoaju estiveram a cargo da produção de um estudo sobre projetos de lei, nas esferas jurídica, política e econômica, com um levantamento exaustivo da legislação vigente que regula as associações civis, documento posteriormente apresentado ao parlamento, juntamente com as assinaturas de diversos membros, apresentando a rejeição e a abertura ao diálogo para o tratamento do caso. Diante disso, ocorreram reuniões e debates com legisladores, e mesmo sem conseguir o arquivamento definitivo do anteprojeto, foi suspenso com dois pareceres de comissões pela rejeição.

Pojoaju significa, em guarani, “de mãos dadas para alcançar objetivos comuns”. Essa é a tendência original, confirmada no encontro recente, no qual, além do diagnóstico, foram projetadas linhas de ação para a afirmação de esforços e aportes do setor sobre o evidente impacto positivo da colaboração entre pares. Alguns dos alinhamentos já estão sendo implementados com a cooperação de Forus: fomento da comunicação ao interior do amplo conjunto de membros e maior visibilidade dos empreendimentos nos distintos campos de direitos, mediante a atualização permanente do portal digital, presença em redes sociais e boletins digitais, como exames conjuntos sobre os campos de atuação.

No diálogo com suas organizações (ONGs e redes de ONGs), a Pojoaju trabalha pelo desenvolvimento de capacidades, em interlocução com referências do setor público, instâncias regionais e órgãos internacionais. Em paralelo, o planejamento estratégico e a sustentabilidade institucional são desafios e objeto das atividades em curso que, diante das questões e mudanças globais trazidas pela pandemia de Covid-19, clamam por novas reflexões e esforços de adequação das práticas domésticas para fortalecer o protagonismo necessário dos atores da sociedade civil, onde os espaços virtuais impulsionados por redes como Forus oferecem contribuições valiosas.